quinta-feira, 22 de março de 2012

Corpo.. O teu


corpo
o teu
desnudo o teu ser
acompanho as tuas formas
deslizo por ti suavemente
fecho os meus olhos
vejo ao tocar-te a imagem 
do verdadeiro deleite
visceralmente disperto
agora e apenas na forma carnal
delicio-me do teu opio
drogo-me com o teu ser
fumo-te e bebo-te
com apenas
um corpo
o teu

9 comentários:

  1. Droga-te... ao prazer.. por ele tudo.


    Beijos.Me

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. M. Há drogas a que não conseguimos resistir.. nem queremos..

      Beijos

      Eliminar
  2. Dois beijos... onde tu quiseres..

    ResponderEliminar
  3. Com droga... sem droga.. em ti.. todos.. per ti.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deixo em ti essa vontade de me beijares onde quiseres..

      Eliminar
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  6. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar