terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

O meu semen.. As nossas bocas..


Gemo bem alto e descontrolado com o prazer que  o teu corpo me dá.. Saio de dentro de ti.. Com as mãos  firmes na tua cintura viro o teu corpo de frente para o meu.. Agarro de mão fechada os teus cabelos e faço força para que te ajoelhes.. Tu segues o movimento que eu induzo.. Ajoelhas-te e abres a boca pronta a engolires-me.. Agarro na tua cabeça com as duas mãos e mexo a cintura para te foder a boca como tu gostas tanto.. Fodo-te a boca.. Entro nela como me apetece..  Ao máximo.. Quero que tu o engulas o máximo que consigas.. Seguro-te a cabeça e forço-me para dentro de ti.. Saio para voltar a entrar ainda mais fundo..  Deixo-me ir entregue e sôfrego.. Fecho os olhos e deixo-me levar pela vontade que tenho a tomar conta de mim.. Passas a língua pelos meus testículos.. Pegas neles e tocas ao de leve.. Saboreias-os.. Enquanto uma mão me toca nos testículos a outra segura o meu pénis erecto e com a ajuda da tua língua começas a marcar o ritmo.. Aumentas a velocidade.. Deslizas um dedo para o meu rabo.. Enquanto me lambes vais introduzindo-o lentamente.. Agrada-me.. Digo-te "não pares.. continua.." e tu enfias o dedo mais fundo.. o sabor da tua boca quente que me recebe o caralho ao deslizar livremente dentro dela.. dentro e fora.. ao mesmo tempo que a tua língua o envolve e brinca com ele.. sinto que não aguento mais e não me prendo.. solto-me por completo com a imagem na minha mente de me vir na tua boca e enche-la com a minha esporra quente.. venho-me.. solto vários gemidos.. o meu corpo fraqueja.. as pernas flectem.. sabe-me bem vir-me assim na tua boca.. e tu sacana.. não paras.. continuas a chupar-me.. a sugar-me.. a lamber-me.. e eu não aguento e contorço-me de prazer.. gemo.. vergo com a força dos espasmos de prazer que se apoderam de mim.. olho para baixo e vejo-te com o meu caralho na mão a olhar para cima com um ar de safada.. a boca cheia de espora.. puxo-te para mim e beijo-te.. adoro sentir o meu sabor na tua boca...Sobes e beijas-me.. Sabe-nos o quente da minha esporra misturado com o sabor das nossas bocas..

16 comentários:

  1. Ufa! Isto anda animado :)

    Vou voltar a ler ... Muita informação :)

    Beijo :)

    ResponderEliminar
  2. Que delícia... É só o que me lembro de escrever.

    ResponderEliminar
  3. Que dois sortudos! Deliciados! Inveja dela! (Pecado eu sei ... ;)
    Bj *

    ResponderEliminar
  4. Uma mistura de sabores intensos que se misturam e intensificam um momento assim.
    Beijo

    ResponderEliminar
  5. oh luxuria desmedida
    que na intimidade
    de duas bocas
    tão boa troca de fluidos
    nos derretes

    ResponderEliminar
  6. Gosto especialmente do despudor com que assume o gosto pelo dedo e pelo sabor. Raro, isso...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E não há porque ter pudor de algo que é tão saboroso..

      Eliminar